A penicilamina é um medicamento indicado para diminuir a dor, o inchaço e a sensibilidade associada à artrite reumatoide.

Também é indicado para limpar substâncias tóxicas do corpo. Para pessoas com doença de Wilson, elimina o excesso de cobre e arsênico em pessoas vítimas de envenenamento por arsênico, para prevenir cálculos na bexiga e nos rins.

A penicilamina vem com uma advertência em caixa do FDA (Food and Drug Administration) dos Estados Unidos, pois há um risco de efeitos adversos significativos.

Os pacientes em uso desta droga precisam ficar sob a supervisão médica durante o uso deste medicamento, e provavelmente serão necessários vários testes para monitorar seus efeitos.

O uso de penicilamina, pode causar danos renais graves e pode afetar a função de coagulação do sangue do corpo, aumentando o risco de sangramento. Também pode aumentar o risco de desenvolver infecção.

Curiosidades sobre a penicilamina
  • A penicilamina é um medicamento oral usado no tratamento de artrite reumatoide, doença de Wilson, cistinúria e toxicidade por arsênico.
  • Efeitos colaterais comuns incluem dor de estômago comichão e erupção na pele, náuseas, perda de paladar, dor de estômago, perda de apetite e diarréia .
  • Os resultados laboratoriais podem mostrar proteína na urina, glóbulos brancos baixos e diminuição de plaquetas.
  • Não é idicado uso durante a gravidez, e durante a amamentação.
  • Pode causar perda de vitamina B6 e suplementos diários podem ser necessários.
  • Pessoas com pedras nos rins e bexiga devem beber pelo menos 2 litros de água por dia para eliminar o medicamento através do sistema renal.
Indicações

A penicilamina é usada para tratar doenças nas articulações, para o tratamento de pedras renais e da bexiga, conhecidas como cistinúria, removendo uma proteína chamada cistina do corpo.

É indicada para tratar a doença de Wilson, removendo o excesso de cobre do corpo. Também remove o arsênico do corpo em casos de envenenamento por arsênico.

A penicilamina é um agente quelante. Isso significa que ele se liga a certos compostos, o que ajuda o corpo a remover substâncias tóxicas.

Efeitos colaterais comuns

Os efeitos colaterais mais comuns incluem:

  • erupção cutânea ou comichão na pele
  • perda de sabor dos alimentos
  • não sentir fome
  • vômito
  • diarreia
  • vômito
  • sangramento
  • infecção
  • úlceras ou feridas na boca
  • proteína na urina, que pode causar insuficiência renal
  • plaquetas baixas e glóbulos brancos baixos

Os sintomas e sinais de problemas renais podem incluir:

  • inchaço das mãos, pés ou rosto
  • urina turva ou espumosa

Efeitos colaterais leves podem desaparecer dentro de alguns dias ou algumas semanas. Se os efeitos secundários forem graves ou não desaparecerem, é importante falar com um médico.

Reação alérgica

Uma erupção cutânea com comichão pode ocorrer ao usar este medicamento. Pode ser o sinal de uma reação alérgica.

Os sintomas podem incluir:

  • erupção cutânea
  • coceira
  • vermelhidão
  • aperto no peito
  • febre

Infecção

Os sintomas podem incluir:

  • febre
  • arrepios
  • tosse

Usuários deste medicamento podem reduzir o risco de infecção através de medidas de controle de infecção, como limitar o contato com pessoas que têm uma infecção e lavar as mãos com frequência.

Interações entre alimentos e a penicilamina

A penicilamina pode interagir com outros medicamentos, vitaminas e outros suplementos, por isso é importante conversar com seu médico.

Interações medicamentosas

Medicamentos para o coração: Digoxina

A penicilamina pode causar níveis mais baixos de digoxina no corpo e reduzir efeito desta drogao. Uma dose mais alta de digoxina pode ser necessária.

Antiácidos: hidróxido de alumínio e hidróxido de magnésio (leite de magnésia)

Antiácidos podem diminuir o efeito da penicilamina no organismo. Eles devem ser evitados por uma hora antes ou depois de tomar penicilamina.

Medicamentos contra o câncer

Efeitos adversos graves podem resultar de tomar penicilamina com medicamentos para o tratamento de câncer.

Quem não deve usar penicilamina?

Algumas pessoas não devem usar este medicamento porque os efeitos colaterais podem ser mais graves com certas condições.

Pessoas com distúrbios das células sanguíneas

Doença renal

Pessoas com doença renal moderada ou grave não devem usar este medicamento.

A penicilamina é removida do corpo pelos rins. A doença renal pode levar a um aumento da quantidade de penicilamina em seu corpo. Isso pode causar aumento dos efeitos colaterais.

Gravidez

A penicilamina é uma droga a ser evitada na gravidez.

A penicilamina pode causar danos ao feto em desenvolvimento.

Amamentação

A penicilamina pode passar pelo leite materno e causar danos ao bebê durante a amamentação. A amamentação não é recomendada enquanto estiver em uso da penicilamina.

Crianças

Esta droga não deve ser utilizada em menores de 18 anos.

Pessoas que apresentaram reações alérgicas em uso das drogas

A penicilamina pode causar uma reação alérgica grave em algumas pessoas. Qualquer pessoa que já tenha tido uma reação alérgica a essa droga não deve usa-la novamente. Fazer isso pode ser fatal.

Créditos imagem:

<a href=”https://www.freepik.com/free-photos-vectors/background”>Background image created by Www.slon.pics – Freepik.com</a>

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *