A visita ao Santuário de Fátima é uma volta na história e a ao centro da cultura do povo português.

A cada dia, milhares de peregrinos e devotos de todo o mundo, vem ao santuário de Fátima agradecer a santa pela graça recebida e conhecer o local de sua aparição.

No santuário podemos vislumbrar, o local onde a Santa apareceu e onde posteriormente foi construído o santuário.

Também, no local estão enterrados os Francisco  e Jacinta que morreram precocemente 2 e 3 anos após a aparição, e a prima Lúcia que morreu aos 97 anos em 2005 após anos de clausura e dedicar sua vida a Deus.

A cidade de Fátima fica, mais ou menos, 1 hora e meia de Lisboa, numa distância de 126 quilômetros. Há uma parada um pouco antes da cidade de Fátima, onde podemos comprar souvenires mais em conta do que no santuário.

Pode-se encontrar terços a 1 euro, e santas a 3 euros, que podem ser levadas e benzidas durante as missas, que são diárias.

Pode-se comprar velas no local, que são dispostas por preço e tamanho, desde 50 centavos de euros até 5 euros as maiores.

A venda é self service, onde você escolhe a vela desejada e deposita o valor da mesma em um porta moedas ao lado.

Milhares de pessoas fazem uma penitencia de joelhos por um caminho que inicia-se na entrada do santuário e finda na base da igreja.

Para saber mais veja o vídeo abaixo o que preparamos para você em nossa viagem à Fátima e Óbidos.

Primeiras Aparições

No dia 13 de cada mês, de maio a outubro de 1917, a Virgem Maria aparece a 3 crianças-pastoras;  Lúcia dos Santos (10 anos) e seus primos Jacinta (7 anos) e Francisco Marto (9 anos) Campos,  fora da aldeia de Aljustrel, perto de Fátima.

As crianças mais tarde disseram que sua vinda foi precedida por um “anjo da paz” que apareceu em 1916.

Lúcia descreveu sua visão de Maria como “mais brilhante que o sol, derramando raios de luz mais claros e fortes do que um cristal cheio de água perfumada  pelos raios ardentes do sol “.

De acordo com o relato de Lúcia, Maria exortou os filhos a fazerem penitências para salvar os pecadores.

Eles usavam cordões apertados em torno de sua cintura para causar dor, se abstiveram de beber água nos dias quentes e outros trabalhos de penitência. Mais importante, pediu-lhes que rezassem  o Rosário todos os dias.

Ela reiterou muitas vezes que a devoção ao Rosário era a chave para a paz pessoal e mundial. Muitos jovens portugueses, incluindo parentes dos visionários, estavam lutando na Primeira Guerra Mundial.

Lúcia informou mais tarde que durante a segunda aparição em 13 de junho, a Virgem Maria previu a morte de duas crianças.

Quando Lúcia pediu à Virgem que os levasse para o céu em breve, a santa respondeu: “Sim, eu tomarei Jacinta e Francisco em breve, mas você ficará um pouco mais, já que Jesus deseja divulgue minha aparição e que me faça ser amada na Terra.

Ele, também, deseja  que você estabeleça a devoção no mundo ao meu Imaculado Coração “.

Os Três Segredos

Em 13 de julho, a Virgem disse ter revelado os Três Segredos de Fátima às crianças, que seriam profecias sobre o futuro e têm sido o foco de muito interesse desde então.

Os segredos não foram escritos até 1941, quando Lúcia foi convidada a compor memórias sobre Fátima e seus primos para que seus procedimentos de canonização pudessem começar.

O primeiro segredo descreveu uma visão horrível do inferno.

O segundo segredo previu o fim da Primeira Guerra Mundial e o início da Segunda Guerra Mundial e pediu a “Consagração da Rússia ao Imaculado Coração de Maria”.

Muitos acreditam que o Papa João Paulo II cumpriu este pedido em 1984 dando uma bênção sobre o mundo, incluindo a Rússia, pouco antes do colapso da União Soviética.

O Vaticano manteve o terceiro segredo em segredo até a Páscoa do ano de 2000 – apesar da declaração de Lúcia de que poderia ser divulgada ao público depois de 1960.

O texto oficialmente divulgado do terceiro segredo era inespecífico na natureza, deixando-o aberto a várias interpretações. A natureza vaga do segredo levou à especulação de que o Vaticano não divulgou todo o conteúdo.

O segredo fala de um papa sendo morto por soldados ao pé de uma cruz em cima de uma montanha, junto com muitos outros bispos e sacerdotes.

A interpretação da Igreja é que isso prevê a tentativa de assassinato de 13 de maio de 1981 sobre o papa João Paulo II pelo atirador turco Mehmet Ali Ağca na Praça de São Pedro.

O próprio papa João Paulo creditou a Nossa Senhora de Fátima com a salvação de sua vida, dizendo que a viu intervir para desviar o braço do pistoleiro e manteve a consciência até o hospital, mantendo sua mente concentrada nela.

O Milagre do Sol

Em sua última visita em 13 de outubro, uma multidão de 70 mil pessoas, incluindo repórteres e jornalistas, se reuniram sob uma tempestade torrencial para testemunhar a chegada programada da Virgem Maria, o que levou ao famoso Milagre do Sol de Fátima.

Por volta do meio dia, muitos observadores testemunharam que viram coisas maravilhosas nos céus: as nuvens de chuva se separaram, o “céu aberto” e o sol parecia girar no céu, trocar de cor ou escurecer completamente por vários minutos antes de aparecer Para mergulhar em direção à Terra.

Alguns temiam que fosse o Juízo Final. Muitos concordaram que um grande milagre ocorreu. Apenas as crianças viram a Virgem aparecer, no entanto.

Francisco e Jacinta Marto foram vítimas da grande epidemia de gripe espanhola de 1919. Exumada em 1935 e novamente em 1951, o corpo de Jacinta foi encontrado intacto,  enquanto Francisco havia se decomposto.

Francisco e Jacinta foram declarados “veneráveis” pelo Papa João Paulo II em uma cerimônia pública em Fátima, em 13 de maio de 1989, e o papa João Paulo voltou em 13 de maio de 2000 para declará-los beatificados e em 13 de maio de 2017 canonizados.

Lúcia relata ver a Virgem novamente em 1925 no convento de Dorothea em Pontevedra, na Espanha. Lúcia foi a ultima dos pastores a morrer em 2005 e encontra-se enterrada no santuário de Fátima,  ao lado de seus primos.

Assista aos vídeos que preparamos para você:

 


Veja, também, as outras matérias da série “Envelheci e Agora” na estrada – Conhecendo Portugal:

– “ENVELHECI E AGORA” NA ESTRADA – Conhecendo Portugal: Centro de Lisboa

– “ENVELHECI E AGORA” NA ESTRADA – Conhecendo Portugal: Visita a Cascais

– “ENVELHECI E AGORA” NA ESTRADA – Conhecendo Portugal: Óbidos

– “ENVELHECI E AGORA” NA ESTRADA – Conhecendo Portugal: Vila Nova de Gaia


Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *