A Capacidade cognitiva é a capacidade de pensar, aprender e recordar. A cognição controla também as seguintes funções:

Função motora – controle dos movimentos

Função emocional – interpretação e resposta emocional

Função sensorial – reação e resposta a sensações táteis, dor e temperatura.

Para manter e preservar a saúde cognitiva devemos ter alguns cuidados tais como:

  • Fazer exames preventivos;
  • Gerenciar problemas de saúde;
  • Tirar dúvidas com um profissional sobre os medicamentos que faz uso e possíveis efeitos colaterais na memória, sono e função cerebral;
  • Reduzir o risco de lesões cerebrais devido a quedas e outros acidentes;
  • Limitar o uso de álcool (alguns medicamentos podem ser perigosos quando interagem com o álcool);
  • Parar de fumar;
  • Dormir de 7-8 horas por noite;

Mantenha uma dieta saudável

Uma dieta saudável pode ajudar a reduzir o risco de várias doenças crônicas, como doenças cardiovasculares e diabetes. Também pode nos ajudar a manter o cérebro saudável.

A dieta saudável é composta por frutas e legumes; grãos integrais; carnes magras, peixe e aves; e produtos lácteos com baixo teor de gordura ou sem gordura. Deve-se limitar gorduras sólidas, açúcar e sal e beber bastante água.

Mantenha-se fisicamente ativo

Manter-se fisicamente ativo através da prática de exercícios regulares, tarefas domésticas ou outras atividades – a prática traz muitos benefícios. Melhora a força muscular e:

  • Ajuda a ter mais energia
  • Melhora o equilíbrio
  • Previne doenças cardíacas, diabetes e outros agravos
  • Melhora o humor e reduz a depressão

Acredita-se que o exercício aeróbico, como caminhar rápido, seja mais benéfico para a saúde cognitiva do que o alongamento não aeróbico e o exercício de tonificação.

Recomenda-se que pessoas maduras realizem pelo menos 150 minutos de atividade física por semana.  Andar é um bom começo, participar de programas que ensinam exercícios aeróbicos com segurança e evitar quedas.

Mantenha a mente ativa

Estar intelectualmente envolvido pode beneficiar o cérebro. Quando nos envolvemos com atividades como voluntariado ou hobbies, podemos nos sentir mais felizes e saudáveis. Aprender novas habilidades pode melhorar a capacidade de raciocínio.  Muitas atividades podem manter a mente ativa, a leitura, jogos, artes manuais. Estudiosos acreditam que tais atividades podem proteger o cérebro estabelecendo “reserva cognitiva” agem ajudando o cérebro a se tornar mais adaptável em algumas funções mentais, para compensar mudanças cerebrais relacionadas à idade e condições de saúde que podem afetar o cérebro.

O treinamento cognitivo formal também parece trazer benefícios.

Permaneça conectado

Conectar-se com outras pessoas por meio de atividades sociais e programas comunitários pode manter o cérebro ativo e ajudar a nos sentir menos isolados e mais envolvidos com o mundo ao nosso redor. Participar de atividades sociais pode diminuir o risco de alguns problemas de saúde e melhorar o bem-estar.

Créditos imagem:

<a href=”https://www.freepik.com/free-photos-vectors/people”>People image created by Freepik</a>

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *