O ibuprofeno é um medicamento comumente utilizado para aliviar os sintomas de artrite, febre e dores menstruais e outros tipos de dores, também tem um efeito antiplaquetário, prevenindo a formação de coágulos sanguíneos.

As marcas de ibuprofeno incluem Brufen, Calprofeno, Genpril, Ibu, Midol, Nuprin, Advil e Motrin, entre outros. Ao comprar medicamentos na farmácia, a embalagem indicará se um produto contém ibuprofeno.

  • O ibuprofeno é um medicamento anti-inflamatório não esteroidal (AINE).
  • É amplamente utilizado para aliviar sintomas de dor, febre e inflamação.
  • Pessoas com problemas cardíacos, ulcera péptica ou com história de acidente vascular encefálico, devem utilizar o ibuprofeno com cuidado.
  • Não deve ser usado no terceiro trimestre de gravidez.
  • É considerado uma alternativa não viciante aos analgésicos opioides.

Um medicamento não esteroidal não é um esteróide. Os esteróides costumam ter efeitos semelhantes, mas o uso a longo prazo podem causar efeitos adversos graves. A maioria dos AINEs não é narcótica, por isso não causam insensibilidade ou estupor.

Ibuprofeno, aspirina e naproxeno são todos bem conhecidos AINEs.

O ibuprofeno age bloqueando a produção de prostaglandinas, substâncias que o corpo libera em resposta a doenças e lesões.

As prostaglandinas causam dor e inchaço ou inflamação, são liberadas no cérebro e podem causar febre.

Os efeitos analgésicos do ibuprofeno começam logo após a ingestão. Os efeitos anti-inflamatórios podem demorar mais tempo, por vezes várias semanas.

Efeitos colaterais

O ibuprofeno não é indicado para pessoas que:

  • Sejam sensíveis à aspirina ou a qualquer outro AINE
  • Tenham ou já tiveram úlcera péptica
  • Portadoras de insuficiência cardíaca congestiva

Em 2015, a Food and Drug Administration (FDA) dos Estados Unidos informou sobre o aumento do risco de ataque cardíaca ou acidente vascular cerebral ao ingerir doses altas de ibuprofeno.

Eles pedem que as pessoas estejam cientes desse possível problema e busquem atenção médica imediatamente se sentirem dores no peito, problemas respiratórios, fraqueza súbita em uma parte ou em um lado do corpo ou fala súbita e arrastada.

Deve ser usado com cautela se uma pessoa tem ou teve:

  • problemas no fígado
  • problemas renais
  • asma
  • insuficiência cardíaca leve
  • hipertensão arterial
  • angina e infarto
  • cirurgia de revascularização do miocárdio
  • sangramento no estômago
  • acidente vascular encefálico.

Os efeitos adversos mais comuns do ibuprofeno incluem:

  • náusea
  • vômito
  • diarreia
  • dispepsia envolvendo dor abdominal superior, inchaço e indigestão
  • dor no estômago ou abdominal

O uso a longo prazo pode levar à redução da fertilidade em algumas mulheres, neste caso o uso deve ser interrompido.

Reações alérgicas

A Food and Drug Administration (FDA) dos Estados Unidos adverte que algumas pessoas podem ser alérgicas aos ingredientes do ibuprofeno.

Sintomas alérgicos incluem:
  • urticária sinais como pele vermelha, bolhas ou erupção cutânea
  • edema facial
  • asma
  • Na presença desses sintomas deve se interromper o uso do medicamento.

Em casos graves, pode ocorrer choque anafilático. Isso é fatal e precisa de atenção médica imediata.

O ibuprofeno não deve ser utilizado nos últimos 3 meses de gravidez, a menos que seja por orientação médica, pois pode afetar o feto ou causar problemas durante o parto.

Interações

Às vezes, um medicamento pode interferir nos efeitos do outro. Isso é conhecido como interação medicamentosa.

Drogas que podem interagir com o ibuprofeno incluem:

Medicamentos anti-hipertensivos :  usados para pressão alta ou hipertensão. O ibuprofeno pode por vezes levar a um da pressão arterial se for usado juntamente com anti-hipertensivos.

Analgésicos anti-inflamatórios : O ibuprofeno não deve ser tomado com diclofenaco (voltarem), indometacina ou naproxeno, porque existe um risco aumentado de hemorragia digestiva.

 Aspirina : O ibuprofeno e a aspirina, juntos, aumentam significativamente o risco de sangramento no estômago.

Digoxina : indicadapara tratar fibrilação atrial.  Ibuprofeno e digoxina juntos podem aumentar os níveis de pressão arterial.

Lítio : Indicado para portadores de transtornos mentais. O ibuprofeno pode tornar mais difícil para o corpo eliminar o lítio, resultando em níveis potencialmente perigosos de lítio no corpo.

Inibidores seletivos da recaptação da serotonina (ISRSs) : Este tipo de drogas antidepressivas como o citalopram, fluoxetina, paroxetina e sertralina, se ingerido com ibuprofeno, pode aumentar o risco de sangramento.

Varfarina : Droga anticoagulante, que impede a coagulação do sangue. O ibuprofeno tomado com a varfarina pode reduzir os efeitos anticoagulantes da droga.

Indicações do Ibuprofeno

O ibuprofeno está disponível como géis, sprays, comprimidos ou mousses, e é indicado para aliviar uma variedade de sintomas. Entre eles:

  • febre
  • inflamação
  • dor de cabeça
  • dor de dente
  • dor nas costas
  • artrite
  • cólica menstrual
  • ferimentos leves

Para dor de cabeça, o uso é de curto prazo. Para efeitos anti-inflamatórios relacionados a condições crônicas, como artrite, o uso em longo prazo é necessário.

Créditos imagem:

<a href=”https://www.freepik.com/free-photos-vectors/background”>Background image created by Freepik</a>

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *