Namoro na maturidade é algo que vem ocorrendo cada vez mais com maior frequência. No entanto, raramente é visto na televisão ou no cinema e, muitos casais parecem negar a si mesmos, que o namoro continua com o passar do tempo.

Entretanto, esta é uma representação injusta, pois o namoro na maturidade é tão bom como na juventude, e é realmente prazeroso encontrar aquela companhia agradável à medida que envelhecemos.

E ainda, algumas pessoas ainda veem problemas com o namoro maduro, o que o torna mais complicado e menos divulgado.

O primeiro problema é que a quantidade de anos de vida vem aumentando drasticamente, e com isso também a bagagem advinda de relacionamentos anteriores.

Se você está na maturidade e não tem um parceiro, e acredita que tem poucas chances por ser viúvo ou divorciado…… Pare!!!!

Não pense dessa forma, pois você apenas não tem um parceiro neste momento, e isso pode acontecer porque coloca na balança toda sua história, e isso pode tornar os relacionamentos mais difíceis, pois adquirimos uma autocrítica natural que pode interferir na aceitação e escolha de novos parceiros.

Da mesma forma, significa que tenha mais dificuldade em encontrar alguém adequado para você, pois há, simplesmente, menos pessoas disponíveis no mercado – e menos lugares para encontra-las, no seu ponto de vista.

Ainda neste sentido, pode ser tenhamos nos acostumado a uma certa rotina que nos deixe confortáveis e felizes e, a presença de outra pessoa pode interferir na nossa zona de conforto. Com isso, parece ser uma grande reviravolta introduzir alguém novo em nossa vida, ou a falta de vontade e motivação nos impeça de começar a sair mais.

Além disso, com o passar dos anos, as alterações hormonais podem provocar a diminuição da libido, e isso pode nos deixar com a sensação de sermos menos interessantes, o que pode interferir na nossa sexualidade. Estas alterações podem tirar um pouco da paixão, mas ainda restarão o companheirismo e a amizade, que são muito importantes nesta idade.

Estas são razões pelas quais o namoro maduro é mais difícil e menos comum.

No entanto, estas são razões que não podem acontecer, e precisamos evita-las…

Pois é necessário superar e contornar esses obstáculos à fim de encontrar, quem sabe, uma nova motivação para viver…

Dizem que o namoro na idade madura é mais gostoso, pois envolve muito toque, carinho, beijinhos e abraços… E, vamos falar a verdade, quem é que não gosta de um carinho???

Namorar, então, pode proporcionar a você um novo “sopro de vida”!!! Portanto, comece a desfrutar sua maturidade.

Se estiver viúvo(a), então, você deve saber que não é isso que seu parceiro anterior iria querer para você e, que é possível ter um pouco de diversão e companheirismo sem “substituir” o amor da sua vida.

Mesmo se vocês forem, apenas, “bons amigos”, irá significar que você tem alguém para ser seu companheiro(a) e ir assistir um filme ou comer fora em restaurantes.

Se você está solteiro(a) por pouco ou muito tempo, então, pode estar dizendo a si mesmo que você não pode sair para conhecer pessoas, mas não há razão alguma para não estar aberto a esta ideia.

Ao mesmo tempo, se prefere uma maneira mais cautelosa para encontrar um parceiro(a), então pode se inscrever em um site de namoro e navegar no seu momento de lazer na segurança de sua casa, e é provável que desfrute de um pouco de diversão. Entretanto, se você não é tão habilidoso(a) no computador, pode pedir a um parente mais jovem para ajudar, desde que você esteja querendo fazer isso.

Também podemos tentar algo realmente ousado e viajar desacompanhado(a). E, se não encontrarmos alguém legal para um relacionamento, pelo menos ainda, teremos tido uma grande experiência.

A partir do momento em que encontramos alguém que nos interesse, não precisa haver a cobrança de que isso tem que acabar em casamento ou, que o sexo é obrigatório, pois nessa idade fazemos nossas regras!!!

Da mesma forma, se definirmos orientações claras no início, então poderemos desfrutar de um relacionamento que pode, quem sabe, nos dar atenção e carinho, sem ficar muito complicado.

Se os parceiros concordarem que não estão se relacionando somente para ter relações sexuais, ainda estarão honrando relacionamentos passados, evitando as questões sexuais que vêm com o desejo de estar inteiro com o outro.

Podemos achar que tenhamos estado “fora do jogo” por um tempo, mas não há nenhuma razão para não “voltar para o campo”.

Se conseguirmos fazer isso, é provável que achemos que os benefícios superem, drasticamente, as dificuldades em encontrar um parceiro(a) e, quem sabe, caso encontremos, decidamos partilhar toda nossa vida com ele(a).

Fonte:

http://www.healthguidance.org/entry/13318/1/Mature-Dating–Love-in-Old-Age.html#.WEGPmkyecng.mailto

Comments

  1. Gostei muito de todos os comentários.
    Acontece que sempre pessoas mais jovens se aproximam de mim.
    Então o sexo se torna inevitável !
    Eu gostaria muito de ter um companheiro amigo amante.
    Uma pessoa madura que tivesse os mesmo interesses.
    Uma vida tranquila com muita paz saúde.
    Os dois se apoiando se ajudando namorando bastante.
    Que o humor e a alegria estejam sempre presentes.
    Seria o ideal para ter um relacionamento sério e amoroso!

  2. Acho interessante. Pois Deus não deixou para vivermos sozinhos. Mas esse relacionamento só será benéfico se ambos desejam se relacionar de uma maneira agradável, prazerosa, acompanhado de uma amizade com companheirismo. Nada de cobrança.

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *