A valeriana (Valeriana officinalis) é uma planta perene, com flores brancas e rosadas e aroma adocicado, nativa das zonas temperadas da Europa e da Ásia.

A raiz seca da planta contém valepotriatos, os quais podem ter efeitos calmantes.

Utilizações

As pessoas tomam valeriana, principalmente, como um auxiliar sedativo e sonolento, especialmente, em partes da Europa.

Em dois estudos relativamente bem desenhados, a valeriana melhorou a qualidade do sono e reduziu o tempo necessário para adormecer.

Algumas pessoas consomem valeriana para dores de cabeça, depressão, batimentos cardíacos irregulares e tremores.

Geralmente, é utilizada por curtos períodos de tempo (4 a 6 semanas).

Não há provas científicas suficientes para determinar se a valeriana é efetiva para estas condições.

Possíveis efeitos colaterais e interações com drogas

Dores de cabeça, excitabilidade, mal-estar e distúrbios cardíacos foram relatados.

Pessoas que estão dirigindo ou fazendo outras atividades que seja necessário a atenção não devem tomar.

Outros efeitos colaterais incluem dor de estômago, tonturas e cansaço.

A valeriana pode prolongar o efeito de outros sedativos (como os barbitúricos) quando são administrados juntos.

A valeriana não é recomendada para mulheres que estão grávidas ou amamentando.

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *