Divagar e formar frases desconexas também podem ser indício da doença. Agora, cientistas querem diagnosticá-la antes dos primeiros sintomas.

Para ler a matéria, Clique Aqui.

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *