A medida que envelhecemos nossa pele vai ficando flácida, modificando nossa aparência, neste post iremos dar algumas dicar de tratamento que podem ajudar a manter sua pele firme.

1. Exercício

Exercitar-se regularmente é uma maneira importante de manter-se saudável e envelhecer bem. Alguns tipos de exercício podem ajudar a reduzir os efeitos Um estudo de 2015 observou que o exercício de resistência pode diminuir o efeito de alterações cutâneas relacionadas à idade. Os autores observaram que o exercício de resistência reduziu as alterações da pele, melhorando o metabolismo dos tecidos, principalmente estimulando a liberação de um

2. Produtos firmadores

Inúmeros géis, cremes, adesivos e outros produtos firmadores diferentes estão disponíveis para o tratamento tópico de casos menos graves de flacidez da pele.

Caso opte por um produto firmador da pele, escolha compostos retinóides. Estes compostos são potentes antioxidantes que podem aumentar a produção de colágeno.

No entanto, os especialistas não consideram os produtos reafirmantes eficazes, e sua penetração na pele pode não ser profunda o suficiente para ajudar a levantar a pele flácida.

3. Suplementos

A dieta desempenha um papel significativo na saúde da pele. Os suplementos nutricionais podem trazer benefícios para a pele flácida, incluindo efeitos antienvelhecimento. Alguns dos suplementos de pele mais promissores incluem:

Os peptídeos de colágeno na forma de um suplemento oral podem melhorar:

  • barreira de umidade da pele, aumentando os níveis de ácido hialurônico
  • produção de colágeno, levando a fibras mais fortes de colágeno
  • o crescimento de fibroblastos da pele – células que ajudam a produzir compostos conjuntivos
  • cicatrização de feridas

Um estudo publicado no Jornal of Cosmetic Dermatology descobriu que mulheres que consumiam 10 gramas de peptídeos de colágeno por via oral ao dormir experimentaram níveis melhorados de colágeno da pele e estrutura geral após 4 semanas. Além disso, eles experimentaram melhores níveis de hidratação da pele após 8 semanas.

4. Antioxidantes

Antioxidantes e enzimas antioxidantes podem ajudar a reduzir a flacidez e as rugas da pele, neutralizando as espécies reativas de oxigênio (ERO). Os ERO são compostos que podem ativar caminhos que eventualmente degradam o colágeno.

Antioxidantes também podem ajudar a estimular o crescimento de colágeno e elastina.

Exemplos de antioxidantes presentes em bebidas e suplementos nutricionais incluem:

  • vitaminas A, C, D e E.
  • Coenzima Q10, selênio e zinco

Podemos ingerir antioxidantes suficientes através da sua dieta. Há pouca evidência no que se refere que tomar suplementos antioxidantes ajuda a prevenir ou reduzir flacidez na pele.

Entretanto ingerir vitaminas por muito tempo, principalmente as vitaminas A e E, pode causar efeitos colaterais, incluindo náusea, vômito e dor abdominal. Em alguns casos, pode levar a efeitos colaterais mais graves.

É importante seguir a dosagem no rótulo ao tomar suplementos. Pessoas com problemas de saúde devem discutir primeiro o uso de suplementos com o médico para evitar efeitos colaterais indesejados ou interações com outros medicamentos.

5. Massagem

A massagem pode melhorar o fluxo sanguíneo e estimular fibroblastos. Os fibroblastos são células que ajudam a produzir tecidos conjuntivos, como colágeno e elastina, que mantêm a pele firme.

Pesquisas sugerem que a massagem pode aumentar a produção mitocondrial. As mitocôndrias desempenham um papel crucial no metabolismo tecidual e celular, e há uma ligação entre a disfunção mitocondrial e o envelhecimento da pele.

Mais pesquisas são necessárias para estabelecer a melhor forma de usar a massagem para firmar a pele. Um estudo de 2017 descobriu que o uso de um dispositivo de massagem de pele leve por 1 minuto duas vezes ao dia por 10 dias aumentou a expressão de moléculas de pele, como procolágeno-1, fibrilina e tropoelastina.

O mesmo estudo também constatou que o uso do aparelho de massagem após a aplicação de um creme antienvelhecimento comercial no rosto e no pescoço ampliava o efeito do produto.

6. Procedimentos não cirúrgicos

Dermatologistas e cirurgiões plásticos podem executar procedimentos não cirúrgicos que podem ajudar a reduzir a flacidez da pele. No entanto, esses procedimentos não são úteis para casos graves, , pois os resultados tendem a ser sutis.

Os procedimentos não cirúrgicos não envolvem cortes ou perfurações e geralmente causam inchaço e vermelhidão temporários. Eles geralmente levam apenas um curto período de tempo para serem executados.

A maioria dos procedimentos é segura para uso em todas as cores de pele e adequada para qualquer parte do corpo.

Exemplos de procedimentos não cirúrgicos incluem:

Ultrassom

Funciona nas camadas mais profundas da pele. A maioria das pessoas percebe elevação e uma firmeza  sutil entre 2 à 6 meses após o primeiro tratamento e com relatos resultados mais significativos com tratamentos adicionais. Os efeitos do tratamento podem durar até 1 ano.

Tratamentos a laser

Os tratamentos a laser concentram-se na camada externa da pele, chamada epiderme. A maioria das pessoas precisa de três a cinco sessões para sentir os resultados, e as alterações geralmente são visíveis 2 a 6 meses após o último tratamento. Os tratamentos a laser são especialmente úteis na parte superior dos braços e na barriga.

Radiofrequência não cirúrgica

Na forma não cirúrgica de radiofrequência, um dermatologista irá inserir um dispositivo na pele para aquecer o tecido por baixo. A maioria das pessoas que usa esse método vê resultados após 1 sessão.

Demora cerca de 6 meses para o tratamento ter resultado, mas algumas pessoas percebem uma leve firmeza na pele após o procedimento. Com os cuidados corretos, os resultados podem durar de 2 a 3 anos.

Créditos de imagem:

<a href=”https://www.freepik.com/free-photos-vectors/people”>People photo created by senivpetro – www.freepik.com</a>

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *