Ao contrário da crença popular, as pessoas mais velhas são muitas vezes mais felizes e mais apegadas romanticamente do que as pessoas mais jovens. A natureza desses apegos românticos, no entanto, pode ser diferente. Indivíduos na maturidade costumam ser mais felizes e satisfeitos com suas vidas e seus casamentos do que as pessoas mais jovens. Quanto a paixão, essa não tem idade, quem sabe possamos encontrar nossa alma gêmea, sempre haverá tempo para o amor.

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *