A nicotina é a substância viciante encontrada em produtos derivados do tabaco, como cigarros e charutos, e pode afetar a função cerebral do usuário.

Uma vez que o corpo se adapta ao consumo regular de nicotina, deixar o vício se torna cada vez mais difícil, devido aos desconfortáveis ​​sintomas da abstinência de nicotina.

Os sintomas de abstinência nicotina geralmente ocorrem após 1 a 3 dias de interrupção de consumo,  e depois diminuem ao longo de um período de 3 a 4 semanas. Após esse período, o corpo expeliu a maior parte da nicotina e os efeitos de abstinência são principalmente psicológicos.

Compreender os sintomas de abstinência de nicotina pode ajudar o fumante a ter o controle para deixar de fumar.

A nicotina tem vários efeitos diversos no organismo do usuário. Quando um fumante fuma um cigarro, absorve a nicotina através do revestimento do nariz, da boca e dos pulmões. A partir desses locais, a nicotina entra na corrente sanguínea.

Quando a nicotina atinge o cérebro, ativa áreas envolvidas com sentimentos de prazer e recompensa e aumenta os níveis do neurotransmissor dopamina.

A nicotina também afeta áreas no cérebro relacionado a:

  • Respiração
  • Memória
  • Apetite
  • Frequência cardíaca

Quando se usa nicotina por um longo período, ocorrem mudanças no equilíbrio dos neurotransmissores cerebrais. Ao parar de usar a nicotina há  um desequilíbrio químico que resulta em efeitos colaterais físicos e psicológicos, como desejos e humor deprimido.

Sinais e sintomas de abstinência de nicotina

Os sintomas da abstinência de nicotina são físicos e psicológicos.

Os efeitos colaterais físicos duram apenas alguns dias enquanto a nicotina deixa o corpo, mas os efeitos colaterais psicológicos podem continuar por muito mais tempo.

Embora possa parecer desagradável, a abstinência de nicotina não causa riscos a saúde.

Os sintomas psicológicos da abstinência de nicotina incluem:

  • Desejo intenso de consumir nicotina
  • Irritabilidade ou frustração
  • Humor deprimido
  • Dificuldade de concentração
  • Ansiedade
  • Alteração de humor

Os sintomas físicos de abstinência da nicotina incluem:

  • Dores de cabeça
  • Suor
  • Inquietação
  • Tremores
  • Insônia
  • Aumento do apetite
  • Cólicas abdominais
  • Constipação intestinal
  • Dificuldade de concentração

Ao parar de fumar o fumante sentirá melhorias no sentido do olfato e paladar, diminuição da tosse e respiração mais fácil, principalmente durante o exercício.

Tratamento para parar de fumar

Abandonar a nicotina pode ser difícil porque o vício é tanto físico quanto psicológico. Muitas pessoas se beneficiam de vários tipos de apoio durante o período de abstinência de nicotina.

Os tratamentos para a retirada da nicotina incluem:

Terapia de reposição de nicotina

Terapia de reposição de nicotina (TRN) é a substituição do cigarro, ou charuto por substâncias que contêm quantidades menores de nicotina tais como::

  • Goma de mascar
  • Patches de pele
  • Inaladores
  • Sprays nasais

Não há pesquisas para sugerir que um método é mais eficaz que outro. Combinar diferentes tipos de TRN pode ter um efeito mais efetivo do que um único método sozinho.

Tratamento medicamentoso

Vários tipos de medicamentos podem ajudar a tratar a abstinência de nicotina, como:

  • Vareniclina: Sob a marca Chantix, esta droga pode reduzir o desejo por fumar e bloquear os efeitos prazerosos do tabagismo.
  • Bupropiona: Este medicamento é vendido como Zyban, e também tem efeito antidepressivo . Auxilia diminuindo o desejo pelo fumo.

Cigarros eletrônicos

Esses cigarros contêm nicotina, que será consumida na forma de vapor, mas não contém a mesma quantidade de substâncias nocivas que a maioria dos outros produtos derivados de tabaco.  Entretanto, os risco do uso de cigarros eletrônicos ainda não são conhecidos. Um cigarro eletrônico é um dispositivo que funciona por uma bateria que emite doses de nicotina vaporizada, ou soluções sem nicotina, para o usuário inalar. Proporciona uma sensação semelhante à inalação de fumaça de tabaco, sem a fumaça.

Fonte:

https://www.medicalnewstoday.com/articles/216550.php?sr

Créditos de imagem:

<a href=”https://www.freepik.com/free-photos-vectors/background”>Background photo created by freepik – www.freepik.com</a>

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *