O agrião é uma hortaliça verde e frondosa com um potente efeito nutritivo. Suas pequenas folhas redondas e hastes comestíveis têm um sabor apimentado e ligeiramente picante, faz parte da família Brassicaceae , que também inclui couve, couve de Bruxelas e o repolho.

Na antiguidade foi considerada uma erva daninha, cultivada pela primeira vez no Reino Unido no início de 1800, e atualmente seu cultivo é realizado através da hidroponia (quando as plantas não crescem fixadas ao solo, e sim na água).

Neste post iremos abordar alguns benefícios a saúde do agrião. Se você nunca provou, que tal experimentar:

1. Rico em nutrientes , especialmente a Vitamina K

O agrião é um alimento de baixa caloria, contém uma vasta gama de nutrientes.

Um copo de agrião (34 gramas) contém:

→Calorias: 4

→ Carboidratos: 0,4 gramas

→ Proteínas: 0,8 gramas

→ Gorduras: 0 gramas

→ Fibras: 0,2 gramas

→ Vitamina A: 22% da ingestão diária de referência (IDR)

→ Vitamina C: 24% do IDR

→ Vitamina K: 106% do IDR – vitamina lipossolúvel necessária para coagulação do sangue e manutenção de ossos saudáveis

→ Cálcio: 4% do IDR

→ Manganês: 4% do IDR

O agrião também contém pequenas quantidades de vitamina E, tiamina, riboflavina, vitamina B6, folato, ácido pantotênico, magnésio, fósforo, potássio, sódio e cobre.

2. Tem poder antioxidante que previne o envelhecimento precoce e protege de doenças

O agrião é rico de compostos vegetais chamados antioxidantes,  que protegem contra os danos celulares causados ​​pelos radicais livres – moléculas prejudiciais que levam ao estresse oxidativo, que tem sido associado a várias doenças crônicas, incluindo diabetes, câncer e doenças cardiovasculares.

Um estudo sobre os compostos antioxidantes em 12 diferentes vegetais crucíferos encontrou mais de 40 flavonóides presentes no agrião o que superou todos os outros alimentos folhosos e vegetais em termos de quantidade total de fenóis e a capacidade de neutralizar os radicais livres.

Além disso, estudos associaram os antioxidantes do agrião a um menor risco de câncer, diabetes e doenças cardíacas.

3. Contém Compostos que podem prevenir certos tipos de câncer

Como o agrião é rico em fitoquímicos, pode reduzir o risco de desenvolver certos tipos de câncer.

O agrião por ser uma verdura crucífera contêm glicosinolatos, que são ativados em compostos chamados isotiocianatos quando cortados com uma faca ou mastigados.

Os isotiocianatos incluem produtos químicos como sulforafano e fenotil isotiocianato, compostos que protegem contra o câncer. Protege as células saudáveis ​​de danos, inativando produtos químicos carcinogênicos e bloqueando o crescimento e a disseminação de tumores.

Os Isotiocianatos encontrados no agrião têm demonstrado capacidade de prevenir câncer de cólon, pulmão, próstata e pele.

Além disso, pesquisas demonstram que os isotiocianatos e o sulforafano encontrados no agrião suprimem o crescimento de células de câncer de mama.

4. Benéfico para a saúde do coração

Comer agrião pode ser benéfico para de diferentes formas seu poder antioxidante diminui o risco de desenvolver doença cardíaca e hipertensão arterial. O agrião também é rico em nitratos, que melhoram a saúde dos vasos sanguíneos e reduzem a inflamação e diminuindo a rigidez e espessura dos vasos sanguíneos.

5. ajuda a  reduzir o colesterol

Em um estudo realizado com cobaias que apresentavam colesterol elevado, o tratamento com extrato de agrião reduziu o colesterol total em 34% e o colesterol LDL em 53%.

6. Aumenta a função imunológica graças aos altos níveis de vitamina C

O agrião contém 15 mg de vitamina C por copo (34 gramas), o que representa 20% do Ingestão diária de referência (IDR) para mulheres e 17% para homens.

A vitamina C é conhecida pelos seus efeitos benéficos no sistema imunológico. A vitamina C estimula o sistema imunológico, aumentando a produção de glóbulos brancos que combatem infecções.

7. É um alimento denso em nutrientes

É um alimento extremamente denso em nutrientes – um copo (34 gramas) contém apenas quatro calorias, mas fornece vários nutrientes importantes, em casos de dieta para redução de peso vale a pena adicionar este vegetal nutritivo e de baixa caloria.

8. Alta concentração de Nitratos  que podem melhorar o desempenho atlético

Os vegetais da família Brassicaceae contêm altos níveis de nitratos, que são compostos encontrados naturalmente em alimentos como beterraba, rabanete e verduras como o agrião.

Esses alimentos diminuem a tensão nos vasos sanguíneos e aumenta a quantidade de óxido nítrico no sangue, o que pode melhorar o desempenho do exercício.

Além disso, o nitrato na dieta reduz a pressão arterial em repouso e reduz a quantidade de oxigênio necessária durante o exercício, o que pode aumentar a tolerância ao exercício.

9- É uma alimento versátil que pode ser utilizado em vários pratos

O agrião pode ser usado em uma grande variedade de pratos, mas para obter o máximo de benefícios de seus compostos antioxidantes ativos, é melhor se ingerido cru ou levemente cozido no vapor.

Aqui estão algumas maneiras fáceis de adicionar agrião à dieta:

→ Em saladas

Em sopas depois de prontas, perto do final do cozimento.

Como substituta da alface em sanduíches.

Em forma de molho pesto misturado com alho e azeite.

Em assados depois de prontos como cobertura.

Embora o agrião dificilmente seja um dos vegetais mais populares, seu perfil nutricional o torna uma adição estelar à dieta, então se você nunca provou, que tal começar agora.

 

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *