A creatina é um ácido orgânico nitrogenado que ajuda a fornecer energia às células do corpo, principalmente às células musculares.

Encontrada na carne vermelha e no peixe, é produzida pelo organismo e também pode ser obtido a partir de suplementos.

Os suplementos são usados ​​por atletas para melhorar seu desempenho, por idosos para aumentar a massa muscular e para tratar distúrbios relacionados a deficiência, quando o corpo não consegue metabolizar a creatina de forma correta.

A creatina de acordo com estudos, pode retardar o envelhecimento da pele, tratar doenças musculares, ajudar portadores de esclerose múltipla (EM) a se exercitarem, melhorar a capacidade cognitiva e muito mais. Entretanto mais estudos são necessários para confirmar estes fatos.

Curiosidades sobre a Creatina
  • Os atletas usam creatina para ajudar no treinamento de alta intensidade.
  • Pode causar aumento da massa corporal.
  • A creatina está sendo estudada para uso em várias doenças, incluindo para o tratamento de doença de Parkinson e Depressão.
  • Como a creatina auxilia na construção de músculos, pode ser útil no tratamento de portadores de distrofia muscular.
  • Existem evidências de que a creatina pode melhorar a memória.
  • A creatina parece ser segura em doses moderadas, mas a a longo prazo seu uso com segurança não foi comprovado.
O que é creatina?

A creatina é formada por três aminoácidos: L-arginina, glicina e L-metionina. Representa cerca de 1% do volume total de sangue humano.

Cerca de 95% da creatina no corpo humano é armazenada no músculo esquelético e 5% no cérebro.

Entre 1,5% e 2% da reserva de creatina do corpo é convertida para uso diário pelo fígado, rins e pâncreas.

É transportada através do sangue e usada por partes do corpo com alta demanda de energia, como músculo esquelético e cérebro.

Diferentes formas de creatina são usadas em suplementos, incluindo creatina mono hidratada e nitrato de creatina.

Fonte e necessidades

Uma indivíduo necessita entre 1 a 3 gramas de creatina por dia. Cerca da metade disso vem da dieta, e o restante é sintetizado pelo organismo. Fontes alimentares incluem carne vermelha e peixe. Um quilo de carne crua ou salmão fornece 1 a 2 gramas (g) de creatina.

A creatina pode fornecer energia para partes do corpo onde é necessária. Os atletas usam suplementos para aumentar a produção de energia, melhorar o desempenho atlético e permitir que treinem mais.

De acordo com a Sociedade Internacional de Nutrição Esportiva (ISSN), atletas que treinam intensamente “podem precisar consumir entre 5 a 10 g creatina por dia” para manter a forma.

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *