O repolho é um vegetal crucífero que muitas vezes pode ser confundido com alface devido sua aparência semelhante.

Vegetais crucíferos como repolho, couve   e brócolis são alimentos repletos de nutrientes benéficos.

O repolho é um alimento que auxilia na proteção a radiação, na prevenção do câncer e na redução do risco de doenças cardíacas.

A cor do repolho pode variar de verde para vermelho e roxo, e as folhas podem ser lisas ou enrugadas. Este vegetal, tem menos de 20 calorias em meia xícara cozida, por isso, vale a pena reservar um espaço no seu prato para este delicioso alimento.

Curiosidades sobre o repolho:

  • O repolho é um vegetal crucífero.
  • O repolho, contém uma substância química que pode proteger contra os efeitos negativos da radiação.
Benefícios do repolho
  • O sulforafano encontrado no repolho tem efeito protetivo  contra o câncer.
  • Meia xícara de repolho cozido contém 81,5 microgramas de vitamina K.
  • Um composto encontrado em repolho e outros vegetais crucíferos, conhecido como 3,3′-diindolilmetano (DIM), demonstrou aumentar as taxas de sobrevivência a curto prazo, em cobaias submetidas a radiação.
  • Acredita-se que o DIM também tenha efeitos protetores contra o câncer, outro estudo mostra que há também a esperança de usá-lo como um escudo para proteger os tecidos saudáveis ​​durante o tratamento do câncer.
  • Outro potencial composto de combate ao câncer encontrado no repolho, é o sulforano. Pesquisas realizadas nos últimos 30 anos, demostraram que o consumo de vegetais crucíferos está associado a um menor risco de câncer.
  • Pesquisadores, descobriram que o sulforafano, tem o poder de inibir a enzima histona desacetilase (HDAC), conhecida por estar envolvida na progressão das células cancerígenas. A capacidade de parar as enzimas HDAC poderia tornar os alimentos que contêm sulforafano um aliado poderoso no tratamento do câncer.
  • Outro estudo, realizado na Universidade do Missouri, analisou outra substância química encontrada no repolho, na salsa e no aipo, chamada apigenina. Essa enzima, tem o poder de diminuir o tamanho de tumores  de acordo com experimentos em cobaias.
  • O repolho roxo, contém uma poderosa substância antioxidante a antocianina, que é o mesmo composto que dá a frutas vermelhas e roxas  a sua cor.
  • Em laboratório, ao serem testadas em cobaias as antocianinas apresentaram a ação de retardar a proliferação de células cancerígenas,  além de matar células cancerosas já formadas impedindo a formação de novos tumores. Não se sabe se esses efeitos, serão os mesmos prevenção ou tratamento do câncer em humanos.
  • As antocianinas, também ajudam a diminuir o processo inflamatório.
  • O alto teor de polifenóis no repolho,  também pode reduzir o risco de doenças cardiovasculares, evitando o acúmulo de plaquetas e reduz a pressão arterial.
  • Uma maneira alternativa de consumir repolho,  é em forma fermentada, como chucrute e kimchi. Cheios de probióticos, os alimentos fermentados podem ser uma excelente opção para a manutenção dos sistemas imunológico e digestivo. Bactérias saudáveis ​​geram um ambiente ácido para preservar e desenvolver sabor,  as enzimas produzidas na fermentação,  que facilitam a absorção de vitaminas e minerais.
  • A fibra e o teor de água no repolho, também ajudam a prevenir a constipação  e mantém o sistema digestivo saudável. Ingerir fibras promove a regularidade, que é crucial para a excreção de toxinas do nosso organismo através da bílis e das fezes.
  • Estudos recentes demostraram que a fibra dietética do repolho, pode até desempenhar um papel na regulação do sistema imunológico e no processo de infecção, consequentemente diminuindo o risco de condições relacionadas à inflamação, como doenças cardiovasculares, diabetes, câncer e obesidade.

De acordo com o USDA National Nutrient Database , 1 meia xícara de repolho cozido fatiado (75 gramas) contém:

  • 17 calorias
  • 4 gramas de carboidratos  (incluindo 1 grama de fibra e 2 gramas de açúcar)
  • 1 grama de proteína

Comer meia xícara de repolho cozido forneceria 30 a 35% das necessidades diárias de vitamina C. Ele também fornece:

  • 81,5 microgramas de vitamina K
  • 11 miligramas de magnésio
  • 22 microgramas de folato

Além disso, quantidades menores de vitamina B-6, cálcio, potássio  e tiamina.

Repolho contém os antioxidantes colina, beta- caroteno, luteína e zeaxantina, bem como os flavonóides kaempferol, quercetina e apigenina. Então que tal acrescentar o repolho na sua dieta, além de seu sabor excelente faz muito bem a saúde.

Fonte:

FANTUZZI, Elisabete; PUSCHMANN, Rolf; VANETTI, Maria Cristina Dantas. Microbiota contaminante em repolho minimamente processado. Ciência e Tecnologia de alimentos, v. 24, n. 2, p. 207-211, 2004.

MORAES, Fernanda P.; COLLA, Luciane M. Alimentos funcionais e nutracêuticos: definições, legislação e benefícios à saúde. Revista eletrônica de farmácia, v. 3, n. 2, p. 109-122, 2006.

Créditos  imagem:

<a href=”https://www.freepik.com/free-photos-vectors/food”>Food image created by Freepik</a>

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *