A síndrome de Ramsay Hunt (também denominada síndrome de Hunt  ou Hesrpe zoster oticus ) é uma infecção causada pelo vírus da Herpes zoster no gânglio geniculado facial, que se caracteriza clinicamente por erupções cutâneas no pavilhão auricular – ouvido – podendo levar a paralisia facial periférica e lesão no sistema cócleo vestibular.

Este agravo ocorre, pela reativação do vírus do herpes zoster, em indivíduos que já tiveram catapora.

A síndrome de Ramsay Hunt leva a paralisia dos músculos faciais, no mesmo lado da face em que ocorre a infecção. O vírus infecta o nervo facial que controla os músculos de um lado do rosto.

Essa síndrome se caracteriza pela presença de uma erupções cutâneas  avermelhadas e bolhosas (vesículas inflamadas parecendo pequenos sacos cheios de água na pele) no interior ou ao redor do ouvido e do tímpano, e às vezes no céu da boca ou da língua.

 

Sinais e sintomas

Um sintoma que distingue clinicamente a síndrome de Ramsay Hunt é a presença de pequenas vesículas bolhosas e erupção cutânea na área auricular, pálpebras e boca em um dos lados da face.

Outros sintomas são:

  • – Dor de ouvido
  • – Perda auditiva
  • – Vertigens
  • – Olhos ressecados
  • – Alterações no paladar
  • – Nistagmo

Diagnóstico

O diagnóstico desta síndrome é frequentemente feito através do exame físico onde são observadas a presença das lesões, o médico poderá solicitar um exame de sangue de Proteína C reativa – PCR, á fim de identificar a presença de processo infeccioso.

Esta síndrome ataca mais comumente, indivíduos imunodeprimidos, principalmente os que estão em tratamento com drogas imunossupressoras, portadores de HIV ou certos tipos de leucemia.

O vírus do Herpes zoster encontrado nas bolhas da síndrome de Ramsay Hunt, pode ser transmitido para outras pessoas causando catapora em indivíduos que não foram vacinados contra varicela, ou que nunca tiveram catapora.  Indivíduos com síndrome de Ramsay Hunt devem evitar o contato com recém-nascidos, gestantes,  indivíduos imunodeprimidos e pessoas sem histórico de varicela, pelo menos até que todas as bolhas se transformem em crostas.

Tratamento

O tratamento é a base de agentes antivirais como o aciclovir, valaciclovir ou famciclovir  por cerca de uma semana. Podem ser prescritos também esteroides como a prednisona e analgésicoS para o controle da dor. Os melhores resultados são relatados quando os protocolos de tratamento são iniciados dentro de três dias após os sintomas aparecerem.

O tratamento precoce geralmente resulta em um melhor prognóstico. Para as crianças, a vacina contra varicela pode reduzir a chance de contrair catapora de onde vem a síndrome (reativação do vírus).

Há também a vacina Zostavaz  que  ativa o sistema imunológico para ajudar a proteger do herpes-zóster útil na prevenção da reativação viral. Consequentemente, a Herpes zoster e a síndrome de Ramsay Hunt podem ser prevenidas ou seus sintomas reduzidos se a vacina for administrada. Geralmente, esta vacina é indicada para indivíduos que tiveram varicela quando crianças ou com 50 anos ou mais,  pois em indivíduos mais velhos o risco de infecção por Herpes é elevado. Aprovada pela Anvisa, a vacina pode ser administrada mesmo que o paciente já tenha tido um episódio de herpes na vida.

Prognóstico

O prognóstico da síndrome de Ramsay Hunt não é tão animador.  Há evidências clínicas para sugerir que o tratamento com esteroides, analgésicos e agentes antivirais (como o aciclovir, o valaciclovir ou o famciclovir) melhoram a recuperação e diminuem o desconforto facial extremo. No entanto, complicações (pouco frequentes) podem se desenvolver, como sincinesia (respostas nervosas inadequadas, como piscar ou formação de lágrimas durante a tentativa de falar), dano ocular ou raramente, disseminação viral para outros nervos causando muitos outros problemas como dor, confusão mental e fraqueza. Pode ocorrer também neuralgia pós herpética que é uma dor  causada por dano na fibra  nervosa pelo vírus que pode persistir por meses a anos.

Fonte:

MARTÍNEZ OVIEDO, A.; LAHOZ ZAMARRO, M. T.; UROZ DEL HOYO, J. J. Síndrome de Ramsay-Hunt. In: Anales de Medicina Interna. Arán Ediciones, SL, 2007. p. 31-34.

VIEIRA, Andrêza Batista Cheloni; MANCINI, Patrícia; GONÇALVES, Denise Utsch. Doenças infecciosas e perda auditiva. 2010.

MELARAGNO FILHO, Roberto. Considerações sôbre a dissinergia cerebelar mioclônica de Ramsay Hunt. Arquivos de Neuro-Psiquiatria, v. 4, n. 3, p. 260-285, 1946.

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *