A alergia é caracterizada pela resposta do sistema imunológico inesperada a substâncias inofensivas, como alimentos, polens, medicamentos, fungos, pelos de animais e ácaros da poeira doméstica. Quando um indivíduo alérgico entra em contato com um alérgeno específico, uma resposta alérgica é desencadeada, causando sintomas que incluem espirros, sibilos, erupções cutâneas, coceira nos olhos entres outros. As taxas de alergia estão aumentando em todo o mundo e podem afetar de 30 a 35% das pessoas em algum momento de suas vidas.

O sistema imunológico tem o papel de manter nosso organismo saudável, combatendo patógenos prejudiciais, faz isso atacando tudo o que acha que poderia colocar nosso corpo em perigo. Dependendo do alérgeno, essa resposta pode envolver inflamação, espirros ou uma série de outros sintomas.

Sinais e sintomas comuns no processo alérgico

Os sintomas que um indivíduo alérgico apresenta são o resultado de vários fatores. Isso inclui o tipo de alergia e a gravidade da mesma.

Em alergias alimentares o portador pode apresentar   inchaço, urticária, náusea, fadiga entre outros. Pode levar algum que o portador perceba que tem alergia alimentar, mas caso apresente sintomas acima citados acima após a ingestão de algum alimento, procure um médico.

Em alergias sazonais os sintomas podem imitar os de um resfriado, incluem congestão nasal, coriza e olhos inchados.

Em casos graves a alergia pode levar a choque anafilático, que é uma emergência com risco de vida, que pode levar a dificuldades respiratórias, tontura e perda de consciência. Neste caso deve-se buscar auxilio médico com urgência.

As alergias de pele podem ser um sinal ou sintoma de uma alergia. Eles também podem ser o resultado direto da exposição a um alérgeno.

Tipos de alergias de pele incluem:

  • Erupções cutâneas. As áreas da pele estão irritadas, vermelhas ou inchadas e podem ser dolorosas a apresentarem prurido (coceira).
  • Dermatite de contato. Manchas vermelhas e prurido, se desenvolvem quase imediatamente após o contato com um alérgeno.
  • Urticária. Lesões vermelhas, pruridos se desenvolvem na superfície da pele.
  • Olhos inchados. Os olhos podem ficar lacrimejantes ou com coceira e parecer “inchados”.
  • Comichão. Há irritação ou inflamação na pele.
  • Queimação. A inflamação da pele leva ao desconforto e sensações ardentes na pele.
Causas de alergias

As alergias têm um componente genético.  No entanto, apenas uma suscetibilidade geral à reação alérgica é genética. Alergias específicas não são transmitidas. Por exemplo, a mãe é alérgica a mariscos, isso não significa necessariamente o filho também será.

Tipos comuns de alérgenos incluem:

  • Produtos de origem animal como pelos de animais, resíduos de ácaros e baratas.
  • Drogas, medicamentos para penicilina e sulfa são gatilhos comuns.
  • Alimentos, alergia ao trigo, nozes, leite, mariscos e ovos são comuns.
  • Picadas de insetos, isso inclui abelhas, vespas e mosquitos.
  • Mofo, os esporos transportados pelo ar podem desencadear uma reação alérgica.
  • Plantas, polens de grama, ervas daninhas e árvores, bem como resina de plantas como a hera venenosa e o carvalho venenoso, são alérgenos comuns.
  • Outros alérgenos.Látex, frequentemente encontrado em luvas e preservativos de látex, e metais como o níquel também são alérgenos comuns.
Tratamento 

A melhor maneira de evitar alergias é ficar longe do que desencadeia a reação. Se isso não for possível, existem opções de tratamento disponíveis.

Medicação

O tratamento da alergia geralmente inclui medicamentos como anti-histamínicos para controlar os sintomas

Os medicamentos para alergia incluem:

Anti-histamínicos como Bebadryl, corticosteroides, cetirizina, loratadina, descongestionanates nasais como o Afrin e modificadores de Leucotrieno.

Imunoterapia

É a aplicação de várias injeções (vacinas) ao longo de algum tempo para ajudar o corpo a se acostumar com a alergia. A imunoterapia bem sucedida pode impedir que os sintomas da alergia retornem.

Epinefrina em casos de urgência pois neutraliza reações alérgicas em casos de choque anafilático. A anafilaxia, é uma reação séria à exposição de alérgenos.

Créditos de imagem:

<a href=”https://www.freepik.com/free-photos-vectors/people”>People photo created by freepik – www.freepik.com</a>

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *