A quercetina é um flavonol, uma subcategoria de flavonoides, essa substâncias químico são encontradas nas plantas, são chamadas de fito nutrientes,   têm uma ampla gama de benefícios para a saúde.

Os seres humanos não podem produzir quercetina em seu corpo, mas muitas frutas, vegetais e bebidas contém este elemento. Os alimentos ricos em quercetina são as frutas e vegetais, uma vez que este flavonol dá a cor a estes alimentos. A quercetina, o mais abundante flavonoide presente na dieta humana, representa cerca  de 95% do total dos flavonoides ingeridos. Está presente nos vegetais, frutas e sucos. São encontradas altas concentrações de quercetina em maçãs, cebolas, chá e vinho tinto.

Alimentos e bebidas que contêm quercetina são:

  • uvas
  • cerejas
  • maçãs
  • frutas cítricas
  • cebolas
  • trigo mourisco
  • brócolis
  • couve
  • tomates
  • vinho tinto
  • chá preto

A quercetina também está presente em remédios herbais, como ginkgo biloba e hipericão.

Benefícios da quercetina:

1.Tem ação antioxidante:

Antioxidantes são substâncias que protegem o corpo dos radicais livres. Os radicais livres são moléculas instáveis ​​no corpo que podem aumentar o risco de doenças e acelera o envelhecimento.

  1. Reduz a inflamação

Inflamação é a resposta natural do corpo ao estresse  e lesões e geralmente ajuda o corpo a se curar. No entanto, a inflamação crônica pode ser prejudicial ao organismo e contribuir para determinadas doenças.

  1. Reduz o risco de câncer

A quercetina pode conter propriedades anticancerígenas que ajudam a prevenir a disseminação de células cancerosas e o crescimento de tumores.

  1. Prevenção de doenças neurológicas

A quercetina pode ajudar a prevenir doenças neurodegenerativas, como a doença de Alzheimer e a doença de Parkinson.

  1. Alívio dos sintomas alérgicos

A quercetina pode ser um anti-histamínico eficaz, uma vez que restringe a histamina de ser liberada das células. Estas propriedades anti-alérgicas indicam que a quercetina pode ajudar no tratamento de bronquite e asma.

  1. Reduz o risco de doença cardíaca

A dieta desempenha um papel essencial na redução do risco de doenças cardiovasculares, como doenças cardiovasculares (infarto e derrame – AVE). Estudos referem que a quercitina diminui a incidência de infarto do miocárdio e derrames cerebrais em pessoas da terceira idade.

  1. Redução da pressão arterial elevada

A quercetina tem ação benéfica em pessoas com hipertensão arterial, pois segundo estudos diminui os valores pressóricos.

A quercetina pode interagir com alguns medicamentos, se for usar em forma de suplementos deve ser feito sob orientação médica.

Deixe seu recado

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *